Anuncios

domingo, 17 de julho de 2016

EMC VPlex - Falha entre VPN (VPlex Metro)



Olá pessoal, tudo bem?

Recentemente tive um problema entre a comunicação de dois VPlex através do modelo Metro.

Não existia nenhum problema de link entre os dois sites e mesmo assim eles aparentemente estavam alarmando, mas sem gerar nenhum impacto.

Este alerta estava na verdade relacionado a uma falha de conexão entre uma VPN que os VPlex fecham de uma caixa com a outra.

Para resolver tal problema, foi necessário conectar em uma das caixas e rodar o comando para reconectar a VPN.

Segue abaixo o comando:

VPlexcli:/> configuration connect-remote-directors


Para quem utiliza esta tecnologia, pode ser necessário algum dia utilizar tal procedimento.
Fica a dica.

Abraços
:wq!

VMWare - Guia de compatibilidade



Olá pessoal, tudo bem?

Um dos pontos mais complicado no mundo de TI é quando precisamos verificar a compatibilidade de recursos e sistemas para que eles funcionem na melhor forma possível e no melhor dos mundos homologado pelos fabricantes.

Sei que na maioria das vezes não temos tempo de ver essas coisas e muitas vezes nem nos passa na cabeça o quanto isso é importante.

As vezes podemos pensar que se estivermos sempre com tudo atualizado estará tudo certo. Mas nem sempre...

As vezes ter tudo nas suas respectivas versões mais recentes pode ser um tremendo problema. Recursos podem apresentar comportamento inesperado como quedas, travamentos, inconsistência, etc.

Pensando nisso, a VMWare disponibiliza um site onde podemos fazer um relatório com o que pretendemos utilizar e verificar a compatibilidade. Caso algum ponto não satisfaça o que está homologado, será indicado as versões que funcionam.

Segue o link:

https://www.vmware.com/resources/compatibility/search.php?deviceCategory=software

Com este recurso, podemos inclusive ter informações quanto aos sistemas operacionais das VM's.

Muitos outros vendors também disponibilizam tal recurso.

Abraços e até a próxima.
:wq!

sexta-feira, 1 de julho de 2016

Mundo da TI as a service e tudo na nuvem!

Olá pessoal, tudo bem?

Tenho acompanhado algumas coisas e notado como nosso mundo tecnológico esta mudando.
Entenda mudanças não como avanços mas sim como as companhias estão nos cobrando em relação a administração de TI, como devemos fazer a gestão e administração, o que esperam de um modo geral.
O que não me agrada muito neste cenário é saber que cada vez mais tudo ou praticamente tudo está sendo tratado como serviço.

Hoje quem nunca estou algum termo "... as a service"?

Praticamente tudo está sendo encarado ou tratado como serviço. Tudo tem que estar na nuvem e não importa efetivamente onde está.

Acho muito estranho isso e muito complicado, pois se pararmos para pensar nessa ideia, vamos passar a administrar apenas serviços e não mais a tecnologia propriamente dita.
Hoje quem terá esses acessos, deveram cuidar da infraestrutura, melhorar, fazer desenhos de modo que exista redundância e tolerância a falhas será sempre o provedor de serviço e quem trabalhar neste provedor.

Particularmente parece ser muito legal toda essa ideia e conceito, mas e para nós que somos administradores e gostamos de colocar a mão na massa para fazer as coisas acontecerem?

Creio que isso irá mudar ainda mais do que já está mudando nos dias de hoje e os profissionais de empresas de TI vão ser responsáveis por serviços e por garantir que contratamos o melhor serviço.

De certo modo fico triste com essa mudanças, pois antes todos, até mesmo os que trabalhavam e cuidavam de algum ambiente em uma empresa que não fosse de TI, tinha que estudar, aprender e fazer o melhor possível para manter tudo em uma empresa funcionando, tudo no ar.
Tínhamos que acompanhar as melhorias, novidades, tolerância a falhas, etc, etc, etc.
Com esse novo modelo estamos criando administradores mais preguiçosos, mal acostumados e com essa ideia de que não importa o que tenho por trás de onde roda meu serviço, do que está por trás de onde estão meus dados armazenados.

Pode parecer paranóia de minha parte, mas imagina você pagar uma nota preta por um armazenamento em nuvem e isso ser respectivo a um serviço caro por que por trás de tudo isso existe um storage moderno, redundante, performático e por aí vai...
Só que na verdade você tem é um modelo de storage que talvez não ofereça tanta segurança assim quanto o que é vendido e deveria no mínimo custar mais barato.

Claro que alguém pode falar:

- Não importa, eu estou pagando apenas pelo serviço e eles me garantem segurança e redundância a falhas.

Ok!
Mas isso ao meu ver é a transferência de responsabilidade. É para ao final de tudo podermos chegar em um caso de problema e falar:
- Já acionei o fornecedor e ele está verificando.

Acontece que se por algum motivo ele tiver que pagar uma multa ou penalidade pelo ocorrido, pode ser que o faça... Mas isso tudo pode fazer com que não retornem os dados dessa pessoa ou companhia.

E aí?

Será que entraria em cena o serviço "lascou as a service"? Rsrsrs

Uma brincadeira à parte, claro que tudo que envolve serviço também teremos que pensar em redundância, DR, backup/restore... etc, etc, etc.

Mesmo assim me assunta muito deixar tudo isso nas mãos de um provedor de serviços, com o conceito de que está tudo na nuvem e que é 100% seguro.

Não sou tão "velho" assim no mercado de TI, mas já acompanhei boa parte da história de mudanças... Vale a pena esperar para ver como vai ficar tudo isso, porém, não posso deixar de falar que da para sentir saudades de como as coisas eram no passado.

Principalmente pela vontade das pessoas em fazerem acontecer e não em se preocupar em quem elas podem acionar ou culpar em caso de problemas e tudo por que é um serviço pago.

Abraços
:wq!